Morreu Dave Brubeck, improvisador sem tempo

dave-brubeck-time-out-bw5Seria difícil a Dave Brubeck gravar outra obra que conquistasse tanto sucesso como “Take Five”. O tema de 1959, parte do álbum “Time Out”, congrega em cinco minutos e meio muitas das características que o transformaram em músico de referência: a sua vontade em contrariar os dogmas que o jazz foi instituindo sobre si mesmo; a aproximação a formas mais populares em tempos de heróis virtuosos; e a desconstrução do tempo e do ritmo como ponto alto da sua vontade em deixar inscrita na história um arrojo com assinatura própria. Dave Brubeck morreu hoje. O tema em questão nem sequer foi composto pelo músico (a assinatura é de Paul Desmond, na altura saxofonista do Dave Brubeck Quartet) mas ver e ouvir “Take Five” em toda a parte é inevitável.

daqui
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Dave Brubeck, Música. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s