Hot Chip, ‘In Our Heads’: uma festa na sala de estar

Tudo na mesma no estúdio dos Hot Chip: ingleses felizes e frenéticos mas com aspecto saudável, de quem não depende de quase nada; electrónica caramelo, apurada no ponto certo, entre a dança encartada e a pop formato conjunto-Molin-24-cores (no mínimo). Mas “In Our Heads” traz uma diplomacia ainda mais evidente que os discos anteriores do grupo revelavam. Com o sucesso granjeado até agora mais as novas canções, engomadas mas a deixar os colarinhos por passar – fica-lhes bem a lata –, os Hot Chip são de todos e para todos. Para as coreografias dos solitários no escuros das luzes e para os rockers com as gomas digitais como guilty pleasure. Vão da melancolia sintetizada ao corropio frenético de quem quer fazer a festa em toda a parte – “Night and Day” é o exemplo perfeito. Mas pelo caminho também perdem embalo e rotação. No lugar de surpreenderem, desaceleram. Ficamos sempre em boa companhia mas, por momentos, a mesma pode passar despercebida.

(publicado no i)
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Discos, Hot Chip, Música. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s