Air, ‘Le Voyage Dans La Lune’: foram à lua, voltaram e deu nisto

É a banda sonora do século XXI para o filme clássico de George Méliès com o mesmo nome (de 1902) mas vive por si só sem qualquer problema de consciência. Ambientes digitais e funk de circuitos integrados, pois, mas mantendo a mesma dose de mistério e fantasia que a fita inspirada nas ficções de Júlio Verne e H.G. Wells revelou. Estão lá os foguetes espaciais mais os curiosos em terra alheia e os alienígenas que se descobrem antes do regresso à Terra. Ao mesmo tempo, é um álbum que veste as medidas todas da discografia dos Air, sem precisar de anexos ao título. Uma enorme brincadeira de gente crescida, com tudo o que um estúdio bem recheado pode oferecer. A viagem é quase toda instrumental – com curtas interrupções cantadas por Victoria Legrande (Beach House) e as Au Revoir Simone – mas porque isto é gente que percebe de matemática sentimental como pouca, não lhe falta nada.

(publicado no i)
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Air, Discos, Música. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s